Arquivo do blog

dicas em vídeos

Loading...

domingo, 9 de janeiro de 2011

Ombré hair, a moda nos seus cabelos!

As famosas adoraram a novidade que traz para as madeixas o efeito de gradação de cor. A primeira foi Alexa Chung. Drew Barrymore,Jessica Biel, Rachel Bilson e Julia Roberts também andaram aderindo a tendência.

O nome do cabelo que domina a cabeça das celebridades, e que agora chega aos salões como aposta absoluta para o verão, é ombré hair (sombreado, em francês).
— É uma evolução das mechas californianas. Só que, no lugar do descolorante, usamos a tinta porque conseguimos controlar melhor a cor e, assim, o resultado fica mais sutil — define o colorista Marcelo Vasconcelos.
Nem californianas nem luzes, menos ainda mechas invertidas.O ombré (alguns o chamam de mechas texanas) mantém a raiz do cabelo natural. Do comprimento às pontas os fios ganham nuanças de cores, num degradê tão suave que, em alguns casos, é imperceptível. Por isso, a técnica é conhecida também como invisible highlights (mechas invisíveis).
Morenas, loiras e ruivas estão liberadas para aderir à tendência. Julia Roberts e Leighton Meester são casos bem-sucedidos de morenas que, mesmo adeptas das mechas mais claras no comprimento, não deixaram os fios escuros de lado.

— Fica muito bom nas morenas, principalmente porque tira um pouco o peso da cor escura, que realça as olheiras — diz o cabeleireiro Maurizio.
Nos cortes, a técnica também não tem preconceitos. Mas os desconectados e repicados valorizam mais as mechas.
Além do efeito natural, a grande vantagem do ombré está no fato de que, com a cor da raiz preservada, ninguém fica refém dos constantes retoques de coloração.
— É um trabalho que dura muito tempo. Se a mulher gosta do resultado e não corta o cabelo com frequência, não há grande necessidade de retoque — diz Maurizio Mandala. Para manter o efeito intacto, devolver brilho às pontas ou clarear um pouco mais os fios, no entanto, é legal fazer alguns ajustes.
Mas só lá pelo quinto ou sexto mês depois do procedimento original.
Apesar de fazer a cabeça das celebridades gringas, o visual é perfeito para a mulher brasileira. “O efeito despojado, de quem acabou de sair da praia, com jeito bem natural é a cara do Brasil”, diz a colorista Branca Di Lorenzo, do salão Crystal Hair, do Rio de Janeiro, responsável pela cor dos cabelos de globais como Carolina Dieckman, Fernanda Lima e Leandra Leal. “É um estilo jovem, leve, moderno que tem tudo a ver com verão e com as brasileiras”, acredita o consultor de imagem da Rede Globo, Fernando Torquatto. Além desses atributos, é prático e econômico.

 .“A graduação dos tons é tudo. Normalmente são três ou quatro nuances, misturadas em mechas. Nos cabelos loiros é possível trabalhar com quatro tons e chegar ao claríssimo nas pontas”, explica Branca. “O segredo é ter nuance, que é a alma da técnica”, diz ela.


O ponto ideal do comprimento do fio para começar a criar o degradê divide opiniões. “O ideal é que se comece a tingir do lóbulo da orelha para baixo. Assim, com os fios presos ou atrás da orelha a mulher parece morena e se soltar o cabelo, ela fica loira – esse é o glamour”, defende Biaggi. Para Branca, o degradê pode começar um pouco acima, sem comprometer o resultado: “Quando o tom mais claro começa com algumas mechas na altura do nariz traz mais luminosidade ao rosto”.

A técnica é democrática. “Pode ser aplicada em cabelos de qualquer cor. Nos fios claros dá para trabalhar melhor a nuance com tons de dourado, mel, loiro claro, médio e claríssimo, mas nada impede que os castanhos escuros e pretos sejam levemente ‘queimados’ só para ter luminosidade, basta fazer um degradê suave com tons escuros”, garante Branca.

O tipo de fio e o comprimento também não representam problemas. “Dá para fazer nos ondulados e crespos por serem irregulares. Essa técnica só tem uma contra-indicação: o ressecamento excessivo. “Como se trabalha o comprimento e as pontas, que são mais secos, é importante o cabelo estar hidratado. Os fios debilitados com química de tintura e alisamento precisam passar por um processo de hidratação profissional intenso para depois se submeterem a coloração”, alerta Branca. A manutenção no dia a dia é simples: xampu e condicionador para cabelos coloridos, um bom leave-in diariamente e uma vez por semana é indicado aplicar máscara nutritiva instantânea no banho.


Dos lisos aos crespos, dos mais longos aos curtos. A maior vantagem de adotar a técnica Ombré Hair é que sua manutenção é baixíssima, fazendo com que economize mais! Para manter o brilho, use e abuse de máscaras reconstrutoras, mas se perceber que as pontas estão ficando muito amarelas, deve recorrer ao salão para a matização.

Os tons preferidos são:caramelados, acobreados, marrom, louro e preto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o que você achou sobre esse post?